press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/2

ENCICLOPÉDIA NEGRA

2021

​São Paulo

De Abdias do Nascimento a Zeferina e Zumbi dos Palmares, 416 verbetes biográficos que encenam um reencontro do Brasil com a memória silenciada de milhões de pessoas negras que construíram sua história.

 

Além do livro, o projeto da Enciclopédia negra, que conta com o apoio do Instituto Ibirapitanga, inclui uma exposição organizada pela Pinacoteca do Estado de São Paulo. 

Nesta “Enciclopédia negra”, Flávio dos Santos Gomes, Jaime Lauriano e Lilia Moritz Schwarcz passam em revista o período da escravidão e do pós-abolição a fim de restabelecer o protagonismo negro em nossa história. E o fazem alcançando o que há de singular, multifacetado e profundo na existência particular de mais de quinhentos personagens.


São profissionais liberais; mães que lutaram pela alforria da família; ativistas e revolucionários; curandeiros e médicos; líderes religiosos que reinventaram outras Áfricas no Brasil, pessoas cujas feições foram apagadas pela história. Por isso, 36 artistas negros, negras e negres criaram retratos inspirados pelos verbetes desta enciclopédia, aqui reunidos em um belíssimo caderno de imagens.
Em um momento de produção e disseminação errática de informações, esta obra contribui para conformar um seguro repositório de experiências individuais e coletivas às quais — como pessoas e como sociedade — podemos recorrer em busca de inspiração e orientação.

 

(imagem 1)

Dona Afra

Acrilica sobre tela 

80 x 50 x 0,3 cm

(Imagem 2)

Pemba

Fotografia digital 

80 x 50 x  cm